Voltar para o topo

Pensamento do dia:

Eu permito a todos serem como quiserem; e a mim, como devo ser.

Chico Xavier

Sonhando voar

Arquivado em poesias | 1.060 visitas | Tags: ,

Havia um castelo

e nele, um segredo

uma dor escondida,

guardada, profunda…

E aquela mariposa que lá vivia,

e acreditava ser feliz

construía verdades e motivos

para manter-se distante dos bosques e rios…

Foi então que um falcão

ousou voar por sobre os muros

e seu grito fez quebrar

a simetria de um mundo sóbrio e frio

E então os muros tornaram-se pequenos

e a liberdade tomou posse de seu corpo…

Subiu na torre mais alta

lançou-se então em queda livre

e descobriu que tinha asas

e podia mais…

E as lágrimas, que tinham secado

e o sorriso, já desvanecido

e os sonhos, desacreditados

todos voltaram a colorir sua existência

trazendo paz

e uma deliciosa confiança

nos tesouros que aguardam lá no horizonte

à espera de quem os descubra…

Este foi o início

de uma jornada que não tem regresso

pois o velho castelo caiu

e em seu lugar,

brotaram perfumadas flores…

Deixe um comentário





Bem vindo, visitante!

Cadastre-se em nosso site e tenha acesso a:

  • Área restrita com conteúdos exclusivos
  • Novidades no seu e-mail
  • Descontos e promoções em cursos


Mapa do Site

Fale Conosco

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Mensagem