Voltar para o topo

Pensamento do dia:

Que os seus esforços desafiem as impossibilidades… Lembrem-se que as grandes coisas do homem foram conquistadas daquilo que parecia impossível.

Charles Chaplin

Senhor do tempo

Arquivado em poesias | 5.258 visitas | Tags: , ,

Velho amigo que de longe observa

Para ti, nossa existência é só um sopro

Já não estranhas nenhuma loucura nem desatino

Porque conheces o coração que pulsa no ser humano

E não importa quem seja,

toda alma é sempre igual, embora sempre creia ser diferente…

Os cegos te temem, os mancos não te conhecem

Os leprosos criaram leis e assinaram em teu nome

Os assassinos fizeram guerra e mataram por ti…

Tu, no entanto,

em serena contemplação

observas o barco navegar sem rumo aparente…

Tu, que determinas os ciclos e as mutações

que incendeia o coração quando o momento urge

e faz surgir heróis e impérios desmoronarem

sem que ninguém jamais consiga traçar

uma linha que una todos esses fatos…

Deixaste teus códices guardados

no fundo de tua criação

e, quem diria!!!

Eu os encontrei.

Os sábios já avisavam

que seria a coisa mais impensada e insana

mas que em moldes maiores e menores mostraria suas evidências…

Tu és a convergência de todos os pontos

o equilíbrio que se tenta atingir…

desviado do centro para que os falsos não te encontrem tão fácil.

Mas não se engane…

eu vou encontrar um jeito de te explicar…

 

Autoria: Roger Alves

 

Comentários

  1. belíssimo texto! adorei!

    jac bagis em 7 de junho de 2011 às 1:58 pm

  2. Lindo!!!! Muito lindo!

    Tina em 8 de junho de 2011 às 7:39 pm

Deixe um comentário





Bem vindo, visitante!

Cadastre-se em nosso site e tenha acesso a:

  • Área restrita com conteúdos exclusivos
  • Novidades no seu e-mail
  • Descontos e promoções em cursos


Mapa do Site

Fale Conosco

Nome (obrigatório)

E-mail (obrigatório)

Mensagem